Segunda-feira, 7 de Dezembro de 2009

João e o Mestre

 

 

- Mestre…

- Sim, João?

- O que devo fazer para ser feliz?

- Para ser feliz…  e sentes-te infeliz neste momento, é isso?

- Sinto… sinto-me infeliz.

- E lembras-te…. Lembras-te do dia, da hora… em que começaste a sentir-te assim?

- Lembro…

- Então… porque não voltas atrás, até esse dia… até essa hora, João?

 

- Mestre…

- Sim, João?

- Porque são as escolhas sempre tão difíceis?

- As escolhas, João… sim… nem todas, mas muitas são difíceis…

- Fiz uma escolha difícil, mestre.

- Compreendo, João…. E foi isso que te deixou infeliz?

- Suponho que sim… antes da escolha… eu era feliz…

- Tens a certeza, João? Tens mesmo a certeza que antes da decisão… eras feliz?

- Ao menos, não me preocupava com nada, mestre… não pensava tanto como agora…

- Sim… a ignorância abre as portas de um certo tipo de felicidade, é verdade… mas não é também verdade, João, que o crescer, dói? Nunca te doeu crescer? Até fisicamente?

- Doeu sim, mestre…. Lembro-me bem…

- Algum dia preferiste não crescer….  E assim parar o sofrimento?

 

- Mestre…

- Sim, João?

- Quando eu for mais velho… assim da sua idade…. Vou deixar de ter todas estas dúvidas, todo este sentir-me infeliz por querer ter tudo…. E não poder?

- Claro que vais João, claro que vais…

- O mestre também tem dúvidas?

 

- João…

- Sim, mestre?

- Sabes… sou bastante mais velho do que tu… e tudo o que me perguntaste até agora poderia ser-te devolvido na forma de uma única pergunta…

- E como seria essa pergunta, Mestre?

- João… se não tivesses tomado essa decisão que tanto te aflige agora… conseguirias viver com o fardo de não a ter tomado? Porque a vida resume-se a muito pouco… a um mero jogo de acções e consequências… e só as acções geram consequências. Por isso te pergunto: Conseguirias viver com o fardo de não te teres aventurado na decisão que tomaste?

- Não mestre…. Não conseguiria…

- Assim pensei, João… e se pensares tu também…. Creio que é nessa resposta que terás que encontrar motivos para te sentires feliz…

 

 

publicado por entremares às 11:59
link do post | comentar | favorito
|
20 comentários:
De entremares a 8 de Dezembro de 2009 às 13:09
Amigo João, em boa verdade te digo...

Talvez um bom Mestre começasse a resposta assim.
Dosear o tempo?
Amigo João... aceito o desafio e retribuo. Devemos nós mesmos dosear o quanto damos de nós mesmos aos outros?
Se dermos 100% de nós mesmos a lguém... ficamos com 0% para dar ao resto do mundo?

Não, não e não.
Quero ter muitos 100% para dar.
Mas como dar por vezes a alma, sem que sintamos que ao dá-la... deixamos de ser o que somos?

Um grande abraço, amigo João.
Quando é que me desafia a ir conhecer a sua terra?
Rolando
De grifoplanante a 8 de Dezembro de 2009 às 19:08
ROLANDO

O que está em causa, não é o tempo que destino aos outros!
É o tempo que não tenho para a minha vida pessoal (que antes de 15 de Novembro de 2008, estava toda preenchida.
Descuro quase tudo e o único prejudicado sou eu e a família.
Tenho (tinha...) muitos outros interesses e, agora, estou confinado à blogosfera!
Como descobrir ( e praticar!) esse modus faciente?
Se souber (mesmo sem ser o Mestre), dê lá a sua dica...

Quando o desafio a vir conhecer o Porto?
Digo francamente, no Inverno, NÃO!
Mas a Primavera (já com um clima mais agradável e os dias maiores), é uma altura propícia.
O que necessita para aceitar o que apelidou de desafio?
Não se esqueça que terei todo o prazer de, na festa a comemorar os 50.000 visitantes do meu blogue, contar com a sua presença!
Está prevista para a área de Beja e lá para Abril...
A MANDATÁRIA é a VOAR SEM HASAS (HASALIAH).

Um abraço.

Comentar post

.mais sobre mim

.BlogGincana


.Fevereiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. O unicórnio branco

. Nascer de novo

. Noites de lua nova

. Perguntas e Respostas

. Roby, o rei leão

. Onde mora o paraíso?

. Sinais

. Um novo destino

. O profeta

. Ele e Ela

. As doze badaladas

. O salto da alma nua

. O rei morreu... Viva o re...

. Blog Gincana - Novembro

. A dúvida humana

.

. João e o Mestre

. Aniversário

. E depois do adeus

. A pimenta do amor

. O que fazer?

. Sem título

. A mulher invisível

. A escolha dos anjos

. Os amantes

. A Dama do Outono

. Um pedido

. Simplesmente Eugénio

. Carmen Miranda

. A decisão

.arquivos

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

.Os ouvintes das histórias

online

.links

.as minhas fotos

.Nº de Navegadores

Get a free html hit counter here.

.Google

.Quem navega...

Locations of visitors to this page

.Gazeta dos Blogueiros

Gazeta dos Blogueiros
blogs SAPO

.subscrever feeds