Terça-feira, 27 de Outubro de 2009

Audrey Hepburn

 

 

Olhou-se de novo ao espelho
O cabelo cortado curto, o rosto esguio, suave, aquela indefinivel doçura, impossivel de classificar.
Ajeitou os pequenos pingentes que lhe serviam de brincos. Nunca gostara de exibir demasiada cor, as cores escuras assentavam-lhe melhor, diziam.
A blusa justa colou-se ao peito, aderindo-lhe como uma segunda pele.
 
Simples.
Quando fora a última vez que experimentara aqueles sapatos?
Por vezes... – pensou – não cabia em si de felicidade, saboreando o prazer de poder percorrer as ruas, anónima, vulgar, longe dos flshes da fama, dos admiradores, de toda a confusão insana dos famosos, evitando os delirios da multidão.
 
O espelho devolveu-lhe o olhar. Um olhar suave, os lábios finos num permanente sorriso contagiante.
Sobre a superfície polida, vários papelinhos coloridos colados e num dos cantos, aquela fotografia.
Não se cansava de a admirar.
De todas as vezes que se observava ao espelho recordava as palavras da mãe, quando a vira vestida para o baile de finalistas, alguns anos antes.
- Filha... como estás linda... sabes que pareces mesmo a Audrey Hepburn? És igualzinha a ela...
 
A fotografia.
Sim... possuia algumas semelhanças, é certo. A forma do rosto, oval, a pele branca, talvez um pouco do olhar...
- Ah...mas a magia, aquela magia... o que tinha aquele rosto que ela não conseguia imitar?
 
Apagou a luz e preparou-se para sair.
Não.
Ela não era Audrey Hepburn.
Ela era simplesmente... ela própria.
E a magia? Sim... a magia... ela também a possuia, todos possuiam essa magia intocável que por vezes, permanece escondida toda uma vida, sem nunca brotar para o exterior.
Não.
Ela não era Audrey Hepburn.
 
Mas, naquele momento, sentiu-se especial.
E sabia que, quando saísse por aquela porta, seria especial.
Bastava acreditar.

 

publicado por entremares às 12:00
link do post | comentar | favorito
|
27 comentários:
De Jorge Soares a 27 de Outubro de 2009 às 13:23
Nada como a nossa própria magia para nos sentirmos bem com o mundo....

Jorge
De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 13:32
Ah, Jorge...

A nossa magia. É mesmo. E porque , tantas e tantas vezes, nem acreditamos nela?

Porquê?

Um abraço.
Rolando
De marta a 27 de Outubro de 2009 às 14:55
para sermos especiais aos olhos dos outros, primeiro temos de o ser aos nossos :)
bjo
De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 13:49
Olá, Marta...

É verdade, temos que ser primeiro especiais... para nós mesmos. Mas aí... é quando deixamos de ser actores e actrizes, não é?

Beijos
Rolando
De DyDa/Flordeliz a 27 de Outubro de 2009 às 15:46
"ela também a possuía, todos possuíam essa magia"
Sim todos têm encanto e magia, aquela que brota de dentro. Uns deixam que se mostre e outros não a mostram quase nunca.
O problema é quando nos deixamos encantar de um jeito que abandonamos a magia natural para viver apenas de fantasia.
E aí...não há magia que resista, pois não?
Gosto que o espelho mostre um reflexo limpo, simpático, harmonioso e perfumado. Sabias que o espelho mostra o perfume da tua imagem?
Será magia também?!
Ou serão salpicos de fragrância espalhados pelo ar?
Continuo a gostar de ter ler e contrariar.
De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 13:51
Oh, flordeliz...

Ler e contrariar?
Sempre, por favor.

Prometo estar mais atento ao espelho... para tentar perceber o aroma que dele se desprende...

Beijos.
Rolando
De Regina d'Ávila a 27 de Outubro de 2009 às 16:05
Sim... Todos têm sua magia.
Mas, às vezes a perdemos pelos cantos... deixamos em algum lugar e já não sabemos onde. Assim como se perde um celular..uma chave de carro...
E quando a encontramos novamente...Ah, sim...é um deleite, a magia vem com um encanto a mais, fazendo nossa alma transparente, nos mostrando com toda sedução, com mais intensidade...e nos deixando...assim...plenos...e prontos.
Prontos? Exatamente...prontos para a vida..para a paixão, o amor. Felizes....exuberantes...
E só então...podemos ser completos.
Será que é isso Rolando...Ou voei em meus devaneios?

Muitos, muitos beijos,(oz)
Regina d’Avila.
De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 13:56
Ah, Regina...

Sabes que eu acredito que a magia também tem " um toque"? A magia também é despoletada por pequenos gestos, pequenas frases, até por pessoas, às vezes um simples olhar...

E quando tu dizes.... " ficar prontos"... isso é a magia a circular nas veias, é o acreditar que o futuro é azul, que tudo se consegue, quando se deseja.... com muita força.

E ainda te digo mais...

Quando falas em alma transparente... eu acrescentaria.... alma leve, riso tonto, ingenuidade de criança.... tudo isso é magia.

Portanto... não são devaneios, não. É magia.

Muitos beijos (oz )
Rolando
De julieta barbosa a 27 de Outubro de 2009 às 16:32
Rolando,

Tenho todas as mulheres dentro de mim e sou uma só... Construir-me foi um processo difícil e doloroso. Tal qual um parto, houve momentos em que eu resisti, mas a vida sabiamente me colocou de volta. Gosto de me olhar no espelho e ver além dessas mulheres... O que tem de mim que ele não mostra é, com certeza, o que me faz especial. Um belo texto para reflexão. Obrigada!
De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 13:59
Julieta...

Suspeito que sim, que vivem aí dentro muitas mulheres, e que há um dia especial para todas elas, tal como eu gosto de acreditar que nem sempre acordo com os mesmos olhos...

Não te cheguei a dizer - percebi que lutas por causas, aquele post das quotas pôs-me a pensar - e depois escrevi sobre a mistura das cores...

Beijos.
Rolando
De Sara a 27 de Outubro de 2009 às 17:07
Basta acreditar e tudo se torna possível! É tal coisa, "basta crer para ter!". E o importante é confiarmos na nossa própria magia, pois cada um de nós tem a sua e cada uma é especial á sua maneira ;)

Beijinhos, Sara
De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 14:01
Oi, Sara.... sua desaparecida.

Para quem vive longe da sua terra natal, como tu... creio perceber o significado desse "crer para ter"...

Beijos, Sara
Rolando
De Óscarito a 27 de Outubro de 2009 às 17:11
É certo que cada um tem a sua própria magia. Umas saltam à vista enquanto outras se mostram timidamente como que sobressaindo de uma neblina.
Mas se cada um não acreditar nela, nunca ninguém a verá.
Abraço!
De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 14:03
Finalmente...

O pessoal aqui à volta da fogueira já tinha perguntado por ti, bastantes vezes.

Está tudo bem contigo?
( para além da diminuição do peso, claro )

Novidades?
Vá.... vamos a isso, quermos ouvir novidades.

Um abraço.
Rolando
De Paula Raposo a 27 de Outubro de 2009 às 20:35
E tens toda a razão: basta acreditar!
Beijos.
De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 14:04
Oi, Paula.

É verdade. Basta acreditar.
E não duvidar, mesmo quando nos empurram contra a parede.

Beijos.
Rolando
De Rosinda a 27 de Outubro de 2009 às 22:03
"A magia da linguagem é o mais perigoso dos encantos"( no seu caso da escrita, são encantadores os seus contos.
Tudo de bom...

De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 14:06
Olá, onix...

Quero continuar a acreditar que com um pouco de encanto, conseguiremos dar mais sol às paisagens, quem sabe abrir alguns sorrisos...

Se é perigosos, este encanto?
Pois eu espero bem que seja...

Tudo de bom para ti...
Rolando
De MARIA a 27 de Outubro de 2009 às 22:51
Ontem não consegui comentar a história que tanto gostei, hoje temos mais uma bela história.
Que essas mãos continuem a escrever histórias de nos encantar.

:)) Mágico Abraço

De entremares a 28 de Outubro de 2009 às 14:07
Oi, Maria...

Que continues também a sentir prazer, de cada vez que te sentas aqui, à volta da fogueira...

Tens aqui um lugar captivo.

Beijos.
Rolando

Comentar post

.mais sobre mim

.BlogGincana


.Fevereiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. O unicórnio branco

. Nascer de novo

. Noites de lua nova

. Perguntas e Respostas

. Roby, o rei leão

. Onde mora o paraíso?

. Sinais

. Um novo destino

. O profeta

. Ele e Ela

. As doze badaladas

. O salto da alma nua

. O rei morreu... Viva o re...

. Blog Gincana - Novembro

. A dúvida humana

.

. João e o Mestre

. Aniversário

. E depois do adeus

. A pimenta do amor

. O que fazer?

. Sem título

. A mulher invisível

. A escolha dos anjos

. Os amantes

. A Dama do Outono

. Um pedido

. Simplesmente Eugénio

. Carmen Miranda

. A decisão

.arquivos

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

.Os ouvintes das histórias

online

.links

.as minhas fotos

.Nº de Navegadores

Get a free html hit counter here.

.Google

.Quem navega...

Locations of visitors to this page

.Gazeta dos Blogueiros

Gazeta dos Blogueiros
blogs SAPO

.subscrever feeds